sábado, 7 de maio de 2016

O vaso que recarrega a bateria do seu telemóvel graças à fotossíntese

Uma empresa de Barcelona desenvolveu uma estação de recarregamento de telefones a partir de um vaso para uma planta doméstica. Esta bateria eterna terá um custo aproximado de 100 euros, caso seja um dos primeiros a apoiar o projeto. Arkyne Technologies chama-lhe Bioo Lite e aproveita a fotossíntese que a planta realiza para gerar eletricidade capaz de recarregar dispositivos, tal qual como se fosse um painel fotovoltaico com folhas. Com uma campanha de financiamento a decorrer atualmente no Indiegogo,a Arkyne Technologies superou já a sua meta de 15.000 euros de financiamento, tendo já garantido 31% de fundos adicionais.

Bioo Lite

Quanto ao funcionamento do Bioo é bem mais complexo do que espetarmos uma ficha USB numa planta. A empresa fala em duas camadas de bactérias confinadas no fundo do vaso que irão reagir com a água. Assim que a planta inicia o processo de conversão de energia luminosa em energia, os compostos criados no solo viajam através de uma membrana semipermeável que cobre as camadas de bactérias. Estes pequenos organismos serão alimentados pelos compostos criando assim eletrões que são captados por uma rede nanométrica de fios. O armazenamento dos eletrões é realizado numa bateria.

Mais informação

Sem comentários:

Enviar um comentário