sábado, 20 de janeiro de 2018

Caricaturas/Cartoons de 2017

É um instinto do ser humano criticar o mundo que o rodeia, e foi aí que entraram em cena, no século XVI, as caricaturas: Link para o artigo sobre a origem das caricaturas.

Ainda nos dias de hoje vários artistas caricaturam o mundo e a sociedade que os rodeia, principalmente, de maneira a expor e ridicularizar os seus defeitos.

No ano de 2017, o blog Cartoon Movement selecionou os seus 10 melhores trabalhos, todos eles denunciando problemas e controvérsias atuais.

1: A Evolução da Paz?




2: Espera… O quê?!



3: A Agenda Política do Trump



4: Fast Fool



5: Os EUA e a Coreia do Norte



6: Solidariedade nas Redes Sociais



7: A Ditadura



8: O Retrato de Aung San Suu Kyi



9: #MeToo




10: Esperança para o Futuro



Consultei o seguinte site:_(http://blog.cartoonmovement.com/2017/12/best-cartoons-of-2017.html)_no dia 17/01/18    











Correção ortográfica e sintática: Anastasiia Kolesnyk

sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

Arte Digital

Artistas Digitais


Depois de ter conhecido a inovação tecnológica das mesas digitalizadoras fiz uma pequena pesquisa e reuni alguns artistas com obras bastante interessantes.

Deixo-vos com os links dos seus sites onde podem conhecer os seus trabalhos:





Visitei os sites acima mencionados no dia 19/01/18 às 20.00




Caricaturas em Portugal

Sabes muitas coisas sobre caricaturistas portugueses? Hoje vou apresentar-te um.


O nome dele é Nelson Santos e podes explorar o portfólio dele se acederes ao seguinte link: http://nelsonsantos.pt/


Imagem 1


Nelson Santos é um caricaturista que desenha maioritariamente ao vivo, entretendo casamentos, congressos, campanhas, discotecas, bares, etc. Neste site podes ver as suas ilustrações e até tens a possibilidade de te inscreveres na newsletter para seres informado dos seus novos trabalhos.


Santos até tem um atalho para um outro blog com os seus contactos ー como número de telefone e redes sociais  e a loja online!


Imagem 2


Imagem 3


Consultei o seguinte site:_(http://nelsonsantos.pt/index.html)_no dia 19/01/18







Correção sintática e ortográfica: Anastasiia Kolenyk

Cursos práticos de joalharia

O PRAZER DE FAZER, A JÓIA AO ALCANCE DA MÃO

Estive a ver a Agenda Cultural de Lisboa e encontrei um curso de joalharia que pode interessar alguns de vocês.


O curso será realizado no dia 29 de Janeiro de 2018, na Galeria Reverso, na rua da Esperança, em Lisboa.
Se estiverem interessados e quiserem mais informações podem ligar para o seguinte número: 
919 809 131.

Deixo aqui em baixo, o link da página para poderem visitá-la.

http://www.agendalx.pt/evento/o-prazer-de-fazer-joia-ao-alcance-da-mao-0#.WmHGcK5l-M8

quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

Workshops no Maat

Olá pessoal!

Estive, recentemente, a procurar workshops em Lisboa e, descobri que no Museu Arte, Arquitetura e Tecnologia há vários durante o ano, uns grátis e outros não, mas é tudo uma questão de se informarem de datas no site: 


Está tudo na página 47 deste documento acima. 

Para já deixo-vos informações dos workshops mais próximos. 








Mais sobre caricaturas

André Carrilho - se não conhecem este nome, eu explico-vos quem ele é.



É um caricaturista português que anda a dar-se muito bem fora do país. Em 2013 até apareceu numa prestigiada revista norte americana - a Vanity Fair. Durante 2 meses, trabalhou na ilustração que saiu em destaque na revista ocupando 2 páginas.


A ilustração recriou um outro trabalho, assinado por Miguel Covarrubias em 1933, e consiste em 42 caricaturas de atores famosos numa praia de Malibu.


1: Ilustração de Miguel Covarrubias

2: Ilustração de André Carrilho







Correção ortográfica e sintática: Anastasiia Kolesnyk

quarta-feira, 17 de janeiro de 2018


A Caixa de Musica


Uma das primeiras invenções que deram notoriedade a Thomas Edison, foi  a primeira máquina capaz de gravar e reproduzir sons: o fonógrafo
Resultado de imagem para thomas edison
Este aparelho foi descoberto em 1877 quando Edison efetuava experiências com o telegrafo, tendo notado que o movimento da fita de papel produzia ruídos parecidos com palavras faladas.
Com um pedaço de folha de estanho enrolado em formato cilíndrico e uma agulha grande colocada ao meio, o inventor gritou uma mensagem enquanto girava uma manivela.  A sua voz fez com que a agulha tremesse e as vibrações sonoras, que passaram pela agulha, produziram uma linha ou marca na folha. Uma agulha do outro lado do aparelho poderia reproduzir o que tivesse sido falado. 
O fonógrafo foi patenteado em 1878 e apresentou, apesar de tudo, dificuldades no início da sua comercialização. Houve pouco interesse da parte de músicos e editores e T. Edison chegou a recusar a utilização da sua invenção  para fins de entretenimento, acabando por se dar prioridade a outra das suas invenções: a lâmpada incandescente.
Só quando Charles Tainter e Alexander Graham Bell, já no ano de 1886, aperfeiçoam a invenção de Edison, criando o cilindro removível (uma vez que até então o meio usado na gravação encontrava-se fixo ao aparelho) e mudando a sua composição para papelão coberto com cera, é que T.Edison resolve voltar a trabalhar na sua criação inventando um cilindro feito inteiramente à base de cera (resolvendo o problema da fragilidade do cilindro que rachava devido à dilatação diferente dos materiais em resposta ao calor).
Eu não falhei. Apenas descobri 10 mil maneiras que não funcionam.... Frase de Thomas Edison.

terça-feira, 16 de janeiro de 2018

Morte de Dolores O'Riordan


Dolores O’Riordan, a inconfundível voz de The Cranberries, uma das bandas de maior sucesso nos anos 90, morreu nesta segunda-feira aos 46 anos de forma repentina, segundo informou em um comunicado o representante da banda irlandesa, que não especificou a causa da morte.
A artista, intérprete de sucessos como Linger e Zombie, encontrava-se em Londres numa pequena sessão de gravações.

Diversos músicos reagiram já à noticia da sua morte lamentando a perda de uma grande voz dos anos 90.

                                                        (6/set./1971-15/jan./2018)



segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

6 Programas para Design Gráfico

 
6 Programas para Design Gráfico
  O designer gráfico é o profissional responsável por criar e desenvolver projetos gráficos e de comunicação visual, como por exemplo, logótipos, embalagens e materiais gráficos.
  Na criação destes materiais os profissionais necessitam de ferramentas específicas para o efeito, isto é, os programas de design. Através dessas ferramentas é possível editar fotos, criar e editar imagens, criar o design de produtos, bem como várias outras funcionalidades. Para cada projeto de design existe um programa de design gráfico mais indicado, ou seja, a ferramenta de design ideal para se editar uma fotografia não será, provavelmente, a mais indicada para se criar uma imagem em vetor.

Programas para Design Gráfico Profissional
 
  • Photoshop: é o programa de edição de imagens mais conhecido do mercado. Nele é possível editar imagens através de funcionalidades de alta qualidade, criar banners, logótipos, entre outros projetos. Para os utilizadores mais familiarizados com a ferramenta, os resultados obtidos são de excelente qualidade, porém, as suas funcionalidades podem ser um pouco complexas para o utilizador comum.
 
  • Illustrator: quando se trata de criar imagens vetoriais, estes são os programas de eleição dos profissionais. O Illustrator é um programa bastante completo e complexo para os utilizadores menos experientes. Através deste programa é possível criar layouts, ilustrações e produtos gráficos como os cartões de visita e folhetos, entre outros produtos.
 
  • InDesign: este programa tem vários recursos e funcionalidades, é, por isso, o mais utilizado para paginação no mercado. Pode ser usado, também, para composição gráfica de produtos como os cartazes, autocolantes, entre outros.

 
Programas de Design Gráfico Grátis
 
  • Gimp: criado como alternativa livre ao Adode Photoshop, é considerado por muitos profissionais como o melhor programa de criação e edição de imagens, o Gimp é bastante intuitivo e de fácil utilização. Os seus usos incluem criar gráficos, logotipos, redimensionar fotos, alterar cores, combinar imagens utilizando camadas, remover partes indesejadas e converter arquivos entre diferentes formatos de imagem digital.
 
  • Inkscape: surge como uma alternativa gratuita ao Illustrator. Através desta ferramenta poderá criar imagens vetoriais com boa precisão. É possível adicionar extensões, de forma a tornar a ferramenta mais completa, mas isso pode tornar o tempo de processamento mais demorado.
  • Scribus: é um programa bastante completo e surge como uma alternativa válida ao InDesign. Esta ferramenta tem um layout simples e permite criar produtos gráficos de qualidade.
 
 


domingo, 14 de janeiro de 2018

Mesas para Desenho Digital

Arte digital

As já conhecidas mesas digitalizadoras são dispositivos muito úteis para quem, como nós, trabalha na área das artes.

Estes tablets gráficos consistem de uma superfície plana sobre a qual o utilizador pode desenhar a sua criação usando um dispositivo semelhante a uma caneta, onde até pode regular a espessura do traço através da pressão. 

Aqui deixo um video com alguns concelhos de utilização para principiantes! Para além deste existem outras centenas no youtube





Consultei o seguinte Site no dia 13/1/18 às 21.00h


 O Rock estará morto?

Nos dias de hoje em que estamos expostos a "música de plástico", coloca-se a seguinte questão: Será que o rock está morto ?

Numa entrevista dada ao jornal The Daily Star, Dave Grohl, lider da banda Foo Fighters, respondeu da seguinte forma: 


"Não acredito nisso, há 25 anos que me fazem essa pergunta. Sempre que edito um disco perguntam-me como é ser 'um dos últimos'", continuou.

"Olho em volta e vejo uma série de bandas de rock novas. Lembro-me de dar uma entrevista em Londres, há dois anos, e do jornalista me perguntar se me sentia obsoleto. E depois esgotámos duas noites em Wembley".

O vocalista e guitarrista mostra-se confiante em relação ao futuro: "Estamos bem e iremos continuar assim. Se pensares demasiado nisso transforma-te o ego, tornas-te numa 'estrela rock de merda'. Penso na minha vida de forma mais simples: fazemos álbuns, damos concertos, e no final do dia somos apenas uma banda", concluiu.



Fontes: http://blitz.sapo.pt/principal/update/2018-01-13-Ha-25-anos-que-me-fazem-essa-pergunta.-A-resposta-de-Dave-Grohl-a-uma-inquietacao-universal
       

Mensagem em destaque

Python - News

NESTA PUBLICAÇÃO NÃO IREI ENSINAR NENHUM CONCEITO NOVO EM PYTHON, MAS SIM ACTUALIZAR OS MEUS LEITORES SOBRE UMA NOVIDADE RECENTE! O G...