sábado, 30 de maio de 2015

Depois do falhanço do Google Wallet, a gigante tecnológica espera rivalizar com o Apple Pay através do Android Pay, um novo sistema para pagamentos móveis.

A Google aproveitou a conferência I/O para apresentar o Android Pay, um novo sistema de pagamentos que podeusado para compras em lojas físicas ou em apps. «Construímos o Android Pay como uma plataforma aberta, para que as pessoas possam escolher a forma mais conveniente de a usar», explicou Dave Burke, VP da Google, citado pela Cnet.

Só nos EUA, mais de 700 mil lojas vão permitir o pagamento com o Android Pay e gigantes como Mastercard, Visa, Discover e American Express fazem parte do ecossistema de pagamentos. A funcionalidade Pay deve chegar na próxima versão do Android, esperada para o final deste ano.

A Google está presente em mais de três em cada quatro smartphones do mundo e a Apple tem uma quota de marcado de 18 com o IOS. As duas empresas juntas chegam a ter 96% do segmento mobile, segundo os dados do IDC. Ambas apostarem em soluções de pagamentos móveis pode ajudar a impulsionar um segmento que já está em crescimento. No ano passado, as compras pagas por smartphones chegaram aos 3,5 mil milhões de dólares nos EUA, mas espera-se que o valor aumente para 118 mil milhões em 2018.


Sem comentários:

Enviar um comentário