segunda-feira, 4 de novembro de 2019

IoT poderá salvar vidas!

A tecnologia cada vez mais prova que a sua aplicabilidade pode ser alargada a todos os setores. A saúde não é excessão. Vou mostrar como a IoT tem sido utilizada neste área.

O tratamento de cancro é uma experiência muito meticulosa e como tal, todas as indicações e reações dos pacientes podem influenciar o tratamento. Por isso, a empresa Medidata está a testar sensores rastreadores da atividade dos pacientes, como o nível de apetite ou fadiga, de modo que os médicos tenham uma maior gama de informações em tempo real sobre o paciente, ajustando o tratamento.

Outro exemplo, são as lentes de contacto inteligentes, desenvolvidas pela Novartis, que conseguem medir os níveis de glicose de um paciente com diabetes a partir das suas lágrimas, guardando todas as informações num dispositivo móvel. A empresa está a pesar utilizar esta tecnologia para outras doenças, porém, nada foi confirmado.

Os idosos têm grande tendência para quedas e como sabes, para eles, estas podem ser muito graves ou até fatais. Como tal um grupo de docentes da universidade de São Paulo está a estudar o uso de pulseiras inteligentes, juntamente com sensores espalhados pela casa, de modo a detetar a queda do idoso e reportá-la às autoridades. O estudo demonstrou uma precisão de 96.62%.

Existem vários exames que são considerados invasores e que apesar de necessários, preferíamos não fazer. Por isso, estão a ser desenvolvidos sensores ingeríveis. Um exemplo é a PillCam COLON que é uma alternativa à colonoscopia. Esta capta e transmite imagens do trato gastrointestinal e do cólon, ajudando a detetar precocemente o cancro colorretal. Por sua vez, a Scripps Health desenvolveu nanosensores que após serem ingeridos, dirigem-se para a corrente sanguínea, de onde enviam informações sobre o sistema cardiovascular.

Por fim, não nos podemos esquecer dos tão populares wearables como a linha Xiaomi Mi Band ou Huawei Honor Band que possuem informações de batimentos cardíacos, oxigenação do sangue e até monitorizam o sono. Tudo isto de forma cómoda e simples, estando ao alcance de qualquer pessoa (são dispositivos relativamente baratos).



Blogue pessoal sobre tech:



Sem comentários:

Enviar um comentário

Comente de uma forma construtiva...

Mensagem em destaque

Blockchain pode exponencialmente melhorar a IoT

Primeiramente, o que é uma Blockchain? Esta é uma técnica que foi inicialmente descrevida em 1991, porém, tem ganho extrema relevância rece...