Pesquisar aqui

Monday, March 9, 2020

Arduino - Bibliotecas


O Arduino, assim como o C++, tem bibliotecas (livrarias, libraries), conjuntos de códigos pré-escritos com o intuito de serem reutilizados, permitindo assim criar vários tipos de programa diferentes.
Não é possível utilizar certos componentes sem bibliotecas específicas. Sem estas, não poderíamos chamar funções referentes a cada componente. Por exemplo o display LCD usa biblioteca "LiquidCrystal" com o header "LiquidCrystal.h" e sem as funções lá declaradas não há forma de mandar informação para o display, através da função print() ou outra.

Algumas bibliotecas standard (padrão) do Arduino:

  • LiquidCrystal - Controlar displays LCD
  • Wire - Partilhar e receber dados por vários dispositivos e sensores.
  • Wifi - Conectar à internet.
  • Stepper - Controlar motores stepper.
  • Servo - Controlar motores servo.
Estas e outras bibliotecas standard estão presentes na página oficial, juntamente com links diretos para à página de cada biblioteca.

Para incluir o header de cada biblioteca, novamente assim como o C++, usamos o comando do pré-processador include.

#include <LiquidCrystal.h>

Referências

No comments:

Post a Comment

Comente de forma construtiva...

Note: Only a member of this blog may post a comment.