sábado, 21 de maio de 2016

É como a Uber? "Não, não é como a Uber. Chegámos ao mesmo tempo"

Empresário português está a terminar nova versão da aplicação para táxis que criou em 2011 e quer lançar frota "100 por cento eléctrica" na região de Paris.

O empresário Filipe Alves está a ultimar a nova versão da aplicação móvel para táxis que criou em 2011, muito antes da popularização dos Uber em França, e quer lançar uma frota "100 por cento eléctrica" na região de Paris.

"O objectivo era fazer uma aplicação que fosse de fácil utilização, que facilitasse a vida do cliente. A Uber apareceu e fez a mesma coisa. Agora, quando aparece uma aplicação de táxis vão dizer 'É como a Uber'. Não, não é como a Uber. Chegámos ao mesmo tempo, só que eles tiveram mais meios de comunicação e foram os primeiros a lançar-se no mercado em grande escala", disse à Lusa o português de 40 anos.


Sem comentários:

Enviar um comentário