segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Máquinas Fotográficas Digitais que Funcionavam com Disquetes

     Hoje em dia, com a generalização dos cartões de memória micro SD, a fotografia digital é algo que nos é familiar. Esses cartões actualmente podem chegar a ter centenas de Gigabytes e com eles facilmente conseguimos transferir fotografias de uma máquina para um computador. No entanto nem sempre foi assim, as primeiras máquinas fotográficas digitais não utilizavam cartões SD como hoje se usa; mas sim dependiam inteiramente de portas seriais para transferir fotografias desde a câmara até a um computador. Este método de transferência de imagens possuía bastantes falhas, e inúmeros erros de software podiam ocorrer devido a falhas de compatibilidade e a outros factores. Aí é que a invenção da máquina digital com disquete se revelou bastante útil, pois com estas os utilizadores podiam transferir mais facilmente as suas fotos para o seu computador, visto que apenas bastava inserir a disquete no aparelho e copiar os ficheiros para o mesmo.


     A primeira destas "novas" máquinas digitais é a Sony Mavica (que significa Magnetic video camera), lançada em 1997, esta máquina ajudou a tornar a fotografia digital mais acessível ao público. Cada disquete da Mavica suportava até cerca de 20 fotos, a Mavica também permitia pre-visualizar e apagar fotografias na própria máquina, algo que hoje em dia nos é garantido mas que à 20 anos atrás era uma grande novidade. A Sony lançou duas versões da Mavica em 1997, a Mavica FD5 e a Mavica FD7, ambas com uma resolução de 640x480, com um ecrã LCD a cores de 2,5 polegadas mas a grande diferença entre uma e outra é que a FD5 era de focagem fixa e a FD7 tinha um zoom de x10, também é importante salientar as diferenças entre os preços das duas máquinas, sendo que a primeira custava 599 dólares na data de lançamento e a seguinte custava 799 dólares.




Fig 1- Sony Mavica FD5




Fig 2 - Sony Mavica FD7




     Após o lançamento da Mavica, o mercado das máquinas fotográficas digitais foi evoluindo, apareceram outros modelos que utilizavam disquetes, que eventualmente transitaram para câmaras que utilizam cartões SD. Tornando esta máquina uma invenção pioneira na área da fotografia, pois mudou a forma de como guardamos as nossas fotografias, num mundo cada vez mais dependente de ferramentas digitais.









Texto escrito por mim.


Fonte de informação: http://petapixel.com/2016/12/12/look-back-digital-cameras-used-floppy-disks-memory-cards/


Imagens: Fig 1 - https://c1.staticflickr.com/1/90/265978167_27a8092bfd.jpg

                Fig 2 - http://old-digitalcameras.com/Images/Sony/Sony_Mavica_FD7_1.jpg

   

Sem comentários:

Enviar um comentário