segunda-feira, 9 de maio de 2016

Snapchat processado por encorajar excesso de velocidade


Jovem teve acidente por estar a utilizar filtro que mostra a velocidade a que estava a guiar.


O Snapchat está a ser acusado de ter incitado um jovem a guiar em excesso de velocidade, o que resultou num acidente enquanto este circulava a 172 km/h.


Em causa está um filtro específico do Snapchat que ativa o sensor de velocidade do smartphone, mostrando no ecrã a velocidade de circulação. Conta o Geek que este o filtro tem a intenção de ser utilizado enquanto se circula a alta velocidade, algo que aliado a uma aplicação utilizada sobretudo pelos mais jovens pode resultar em acidentes.

O acidente em questão foi em Setembro do ano passado e teve como protagonista Christal McGee, de 18 anos, que decidiu utilizar o Snapchat com este filtro de velocidade e acabou por embater no veículo de Wentworth Maynard. A vítima ficou com danos cerebrais permanentes e o respectivo advogado está agora procurar compensações junto de McGee e do próprio Snapchat pela criação do filtro.

Sem comentários:

Enviar um comentário