sexta-feira, 27 de maio de 2016

Explosões solares podem ter sido fator chave no surgimento da vida como a conhecemos

Ao mesmo tempo magnificentes e temidas, as explosões solares acabam de ganhar um outro nível de atratividade: a de poderem ter sido um elemento chave para o surgimento de vida na Terra.

A adolescência do Sol foi tormentosa, plena de explosões muito mais intensas do que as atuais, mas pelos vistos ainda bem que assim aconteceu, já que essas fortes tempestades solares podem ter sido uma grande parte da razão de existir vida como a conhecemos.

Há cerca de 4.000 milhões de anos, o Sol só tinha aproximadamente três quartos do brilho que tem agora, mas a sua superfície estava minada de gigantescas explosões que expulsavam grandes quantidades de matérias e radiação para o espaço.

Estas poderosas explosões terão dado algum prejuízo, nomeadamente a Marte, mas segundo um grupo de investigadores da NASA, também tiveram os seus benefícios, neste caso para a Terra.

tek sol ultravioleta

Toda a informação aqui

Sem comentários:

Enviar um comentário