segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Ada



Ada é uma linguagem de programação estruturada. Foi originalmente produzida por uma equipa liderada por Jean Ichbiah da CII Honeywell Bull, contratados pelo Departamento de Defesa dos Estados Unidos durante a década de 70, com o intuito de substituir as centenas de linguagens de programação usadas pelo DoD (Departament of Defense).

O nome Ada vem de Ada Lovelace, a mulher conhecida por ter escrito o primeiro algoritmo para ser processado por uma máquina na história da computação.

Formou-se então o Grupo de Trabalho de Linguagens de Alta Ordem (HOLWG, sigla em inglês). O resultado principal desse grupo foi que em 1979, a empresa francesa CII Honeywell Bull foi a campeã de uma disputa entre 17 empresas para o desenvolvimento de uma nova linguagem de programação, pois a ideia de adotar uma já existente tinha sido abandonada.

E tentando realizar um sonho de uma linguagem universal, após diversas propostas de desenvolvimento, várias revisões de especificações, em 1982, em homenagem à Condessa Ada Lovelace, que pode ser considerada a dama dos computadores pela sua contribuição a computação, surgiu Ada®, uma linguagem de programação patrocinada pelo Departamento de Defesa dos EUA, que teve uma base de Cobol e Basic e que anos mais tarde serviria de base para o Ruby.

No ano de 1982, foi publicado seu primeiro padrão ISO (Ada 83), que ficou conhecido como Manual de Referência Ada. No ano de 1995, houve a primeira revisão da linguagem (Ada 95) e em 2006 foi liberada a mais nova versão (Ada 2005), que incluiu conceitos usados na linguagem Java e algumas bibliotecas do C++.

Sem comentários:

Enviar um comentário