quinta-feira, 19 de março de 2015

Revelado o acordo entre Microsoft e Xiaomi para o novo Windows 10

A Microsoft continua a procurar acordos com vários fabricantes de smartphones para o lançamento do novo Windows 10 de forma a massificar o seu uso e fazer concorrência forte ao Android da Google e o iOS da Apple.
Foi revelado o acordo entre a Microsoft e o atual líder de fabrico e vendas de smartphones da China, a Xiaomi, que consiste principalmente em disponibilizar aversão preview do Windows 10 para utilizadores que adquiriram o novo dispositivo Mi4 mesmo que tenham sistema Android pré-instalado.
Segundo as informações oficiais da marca e o fórum MIUI da Xiaomi, está a ser lançado um desafio aos utilizadores com a seguinte frase: “Quer testar os novos recursos do Windows 10 no seu Mi4? Fique ligado que nós iremos lançar um novo o pacote ROM em breve no fórum. Acredite que algo excelente está prestes a acontecer”.
Ainda sem data anunciada para a disponibilização, esta novidade já está a ter efeitos esperados nos utilizadores com a colocação de questões relacionadas e a normal curiosidade mesmo que a Xiaomi afirme que se trata de uma experiência.
O que é certo no mundo de negócios é que estas experiências só podem ser possíveis através de acordos financeiros que envolvem muito dinheiro com benefícios para ambos os lados. Ficamos com a clara noção que a Microsoft só poderá atingir a relevância esperada com o Windows 10 se estabelecer acordos com os fabricantes de hardware que de momento estão a dominar o mercado de vendas.
O que podemos concluir também neste acordo é que a marca Xiaomi, que em muito pouco tempo passou de um simples fabricante chinês para um dos maiores fabricantes mundiais, com relevância considerável e posição dominante no mercado, conduziu marcas poderosas como a Microsoft ou Google a ceder. O preço é sempre o fator desequilibrador da balança que conduz o mercado de vendas e à significância das próprias marcas.
microsoft_xiaomi

Sem comentários:

Enviar um comentário