terça-feira, 12 de abril de 2016

Sensores dos automóveis podem informar o mundo do estado das estradas

Hoje em dia os automóveis são cada vez mais inteligentes. Equipados com sensores com sensibilidade cada vez mais apurada, conseguem proezas como identificar e ver peões em risco melhor do que nós, mas continuam cegos num dos principais fatores de sinistralidade rodoviária: o estado das estradas.

Para fazer face a esta lacuna, um grupo de investigadores da Universidade de Málaga desenvolveu um sistema para detetar em tempo real o estado da estrada utilizando os próprios sensores do automóvel.


Sensores dos automóveis podem informar o mundo do estado das estradas

A equipa coordenada pelos investigadores Juan Jesús Castillo e Juan Antonio Cabrera da UMA afirma ser possível utilizar sensores tão variados dos automóveis como os do ABS e do Programa Eletrónico de Controlo de Estabilidade ESP, entre outros, para conseguir informações sobre a via em que circula o automóvel.

Caso o sistema seja bem sucedido, este pode dar indicações importantes aos futuros automóveis de condução autónoma. Mas dando um passo rumo ao futuro, dentro de pouco tempo a maioria dos automóveis estará ligada em rede, e todos os carros poderiam enviar informações a um sistema central para melhor gerir o tráfego e a sinalização das vias.


Sem comentários:

Enviar um comentário