Pesquisar aqui

domingo, 17 de fevereiro de 2019

Ruby

O Ruby é uma linguagem com um cuidadoso equilíbrio. O seu criador,Yukihiro “Matz” Matsumoto, uniu partes das suas linguagens favoritas (Perl, Smalltalk, Eiffel, Ada e Lisp) para formar uma nova linguagem que equilibra a programação funcional com a programação imperativa.
Inicialmente, Matz estudou outras linguagens em busca de encontrar uma sintaxe ideal. Durante a sua busca, disse, “Eu queria uma linguagem interpretada que fosse mais poderosa do que Perl e mais orientada as objetos do que Python.”
Em Ruby, tudo é um objeto. Cada parcela de informação e código podem receber as suas próprias propriedades e ações. A Programação orientada a objetos denomina as propriedades como variáveis de instância e as ações como métodos. A aproximação pura, da orientação aos objetos do Ruby, é geralmente demonstrada pelo seguinte trecho de código que aplica uma ação a um número.
Em muitas linguagens, números e outros tipos primitivos não são objetos. O Ruby segue a influência da linguagem Smalltalk em atribuir métodos e variáveis de instância a todos os seus tipos. Esta abordagem facilita a utilização do Ruby, uma vez que as regras que se aplicam aos objetos aplicam-se a tudo em Ruby.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Comente de forma construtiva...